O blog Caixote Amarelo nasceu com a proposta de dialogar apenas com os livros de relatos, as biografias. Para minha surpresa, bons ventos sopraram durante essa empreitada e outros tipos de livros ganharam espaço. Digo empreitada porque já seria difícil pra caramba abrir o bloco de notas e escrever o que sinto sobre as obras e como elas me afetam, de maneira positiva ou não. Tudo fica ainda mais complexo quando clico em "publicar". Te vejo dentro do caixote.

Por Renata de Sá.

segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

Empurrar um problema para frente não faz com que ele desapareça - *série de textos

Quiosque da leitura no Parque Ceret
Resolvi dar uma olhada na minha estante de livros e procurar por algum título que eu já tivesse lido há um tempão e que me desse vontade de reler duas, dez, vinte vezes (claro, se eu não tivesse outros livros para ler e também se sobrasse tempo com essa rotina maluca). Só que, para minha surpresa, eu encontrei! Tomei coragem e encarei reler Diário do Clima (2012) durante minhas viagens diárias de metrô. Para ficar ainda melhor, decidi fazer uma série de textos e postar aqui no Blog Caixote Amarelo.

E, para começar, podemos dizer que a jornalista Sônia Bridi e o cinegrafista Paulo Zero fizeram do limão uma verdadeira limonada (azeda, porém necessária). Após encarar viver e trabalhar na China por muitos anos, ao voltar para casa (no Brasil), o casal percebeu que ainda faltava alguma coisa, que o trabalho deles ainda não estava concluído. 

No tempo que viveram fora do país, eles acompanharam as mais importantes reuniões que discutiram os impactos da ação humana ao planeta, como a COP15 (Conferência das Nações Unidas para o Clima). E cobriram diversos acontecimentos, resultantes desse crescimento desorganizado e acelerado que vivemos.

De volta à realidade e com vida estabelecida, eles sabiam que podiam fazer mais. Montaram um projeto e apresentaram aos produtores do Fantástico. O resultado é a série “Terra, que tempo é esse?” e também o livro “Diário do Clima”

Com o objetivo de apresentar possíveis mudanças e também mostrar quais são os lugares em que os efeitos colaterais do aquecimento global já são uma dura realidade, Sônia e Paulo partiram em uma viagem difícil e solitária pelos cinco continentes. 

Leitores do Caixote poderão acompanhar semanalmente algumas das passagens mais significativas do livro. Aproveitem a viagem...


Diário do Clima – Efeitos do aquecimento global: um relato em cinco
continentes”, de Sônia Bridi
Editora Globo Livros – 256 páginas

Nenhum comentário:

Postar um comentário